sábado, 8 de outubro de 2016

PARA LIBERTAR-NOS

Pelo  Espírito Emmanuel
 '...E reconheçamos, de igual modo, que o primeiro passo para liberar-nos da inércia será sempre: trabalhar...'
A preguiça conserva a cabeça desocupada e as mãos ociosas.
A cabeça desocupada e as mãos ociosas encontram a desordem.
A desordem cai no tempo sem disciplina.
O tempo sem disciplina vai para a invigilância.
A invigilância patrocina a conversação sem proveito.
A conversação sem proveito entretece as sombras da cegueira de espírito.
A cegueira de espírito promove o desequilíbrio.
O desequilíbrio atrai o orgulho.
O orgulho alimenta a vaidade.
A vaidade agrava a preguiça.
Como é fácil de perceber, a preguiça é suscetível de desencadear todos os males, qual a treva que é capaz de induzir a todos os erros.
*
Compreendamos, assim, que a obsessão, loucura, pessimismo, delinqüência ou enfermidade podem aparecer por autênticas fecundações da ociosidade, intoxicando a mente e arruinando a vida. E reconheçamos, de igual modo, que o primeiro passo para liberar-nos da inércia será sempre: trabalhar.
_________________________________________
(Do livro “CORAGEM”. F.C.Xavier/Espíritos Diversos.
Lição nº 35. CEC (Uberaba-MG). 29ª ed.1999.)
Imagem: www.google.com. Acesso em: 14/setembro/2016.
Formatação atualizada em:14/setembro/2016.
Destaques: pelo editor do Blog.

2 comentários:

  1. Linda mensagem pai!

    Gostei muito,

    Bjo.

    Andressa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Filha,

      Fico feliz. Obrigado pelo incentivo.

      Muita Paz!

      Francisco.

      Excluir