sábado, 25 de fevereiro de 2017

O SISTEMA DE CAPELA

As "gigantes amarelas" do Sistema Capella
Pelo Espírito Emmanuel


'...Magnífico sol entre os astros que nos são mais vizinhos [...] na sua trajetória pelo Infinito, faz-se acompanhar, igualmente, da sua família de mundos [...] A sua luz gasta cerca de 42 anos luz para chegar à face da Terra...'

"Nos mapas zodiacais, que os astrônomos terrestres compulsam em seus estudos, observa-se desenhada uma grande estrela na Constelação do Cocheiro, que recebeu, na Terra, o nome de Cabra ou Capela

Magnífico sol entre os astros que nos são mais vizinhos, ela, na sua trajetória pelo Infinito, faz-se acompanhar, igualmente, da sua família de mundos, cantando as glórias divinas do Ilimitado. A sua luz gasta cerca de 42 anos luz para chegar à face da Terra, considerando-se, desse modo, a regular distância existente entre a Capela e o nosso planeta, já que a luz percorre o espaço com a velocidade aproximada de 300.000 quilômetros por segundo.


Quase todos os mundos que lhe são dependentes já se purificaram física e moralmente, examinadas as condições de atraso moral da Terra, onde o homem se reconforta com as vísceras dos seus irmãos inferiores, como nas eras pré-históricas de sua existência, marcham uns contra os outros ao som de hinos guerreiros, desconhecendo os mais comezinhos princípios de fraternidade e pouco realizando em favor da extinção do egoísmo, da vaidade, do seu infeliz orgulho.

Um Mundo em Transição

Há muitos milênios, um dos orbes da Capela, que guarda muitas afinidades com o globo terrestre, atingira a culminância de um dos seus extraordinários ciclos evolutivos.

As lutas finais de um longo aperfeiçoamento estavam delineadas, como ora acontece convosco, relativamente às transições esperadas no século XX, neste crepúsculo de civilização.

Alguns milhões de Espíritos rebeldes lá existiam, no caminho da evolução geral, dificultando a consolidação das penosas conquistas daqueles povos cheios de piedade e virtudes, mas uma ação de saneamento geral os alijaria daquela humanidade, que fizera jus à concórdia perpétua, para a edificação dos seus elevados trabalhos.

As grandes comunidades espirituais, diretoras do Cosmos, deliberam, então, localizar aquelas entidades, que se tornaram pertinazes no crime, aqui na Terra longínqua, onde aprenderiam a realizar, na dor e nos trabalhos penosos do seu ambiente, as grandes conquistas do coração e impulsionando, simultaneamente, o progresso dos seus irmãos inferiores.

Espíritos Exilados na Terra

Foi assim que Jesus recebeu, à luz do seu reino de amor e de justiça, aquela turba de seres sofredores e infelizes.

Com a sua palavra sábia e compassiva, exortou essas almas desventuradas à edificação da consciência pelo cumprimento dos deveres de solidariedade e de amor, no esforço regenerador de si mesmas.

Mostrou-lhes os campos imensos de luta que se desdobravam na Terra, envolvendo-as no halo bendito da sua misericórdia e da sua caridade sem limites. Abençoou-lhes as lágrimas santificadoras, fazendo-lhes sentir os sagrados triunfos do futuro e prometendo-lhes a sua colaboração cotidiana e a sua vinda no porvir.

Aqueles seres angustiados e aflitos, que deixavam atrás de si todo um mundo de afetos, não obstante os seus corações empedernidos na prática do mal, seriam degredados na face obscura do planeta terrestre; andariam desprezados na noite dos milênios da saudade e da amargura; reencarnariam no seio das raças ignorantes e primitivas, a lembrarem o paraíso perdido nos firmamentos distantes. Por muitos séculos não veriam a suave luz da Capela, mas trabalhariam na Terra acariciados por Jesus e confortados na sua imensa misericórdia."🔵

Nota: Capella é um sistema complexo, com duas estrelas amarelas gigante no seu âmago, que orbitam um centro comum de gravidade a cada 104 dias. Esses dois não estão sozinhos - eles são acompanhados por pelo menos oito outras estrelas. (http://www.glyphweb.com/esky/stars/capella.html).
🔸
__________________________
(Do livro "A Caminho da Luz", de Emmanuel, psicografado por
Franciscco Cândido Xavier.14ª ed. FEB.1986.
Disponível também em: www.ceni.com.br ).
Imagem: www.google.com. Acesso em: 25/janeiro/2011.
Formatação atualizada em 25/fevereiro/2017. Destques nossos.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

REALIDADES

Pelo Espírito André Luiz

palhaço que você ironiza é, freqüentemente, valoroso soldado do bom ânimo.
🔸
A mulher, extremamente adornada, que você costuma desaprovar, em muitas ocasiões está procedendo assim para ajudar numerosas mãos que trabalham.
🔸
A cantora que baila sorrindo e da qual você comumente se afasta entediado, na suposição de conservar a virtude, geralmente procura ganhar o pão para muitos familiares necessitados, merecendo consideração e respeito.
🔸
O homem bem-posto, que lhe parece preguiçoso e inútil, talvez, esteja realizando trabalhos que você jamais se animaria a executar.
🔸
Não julgue o próximo pelo guarda-roupa ou pela máscara. A verdade, como o Reino de Deus, nunca surge com aparências exteriores.🔵
____________________________________________
De "Agenda Cristã", pelo Espírito André Luiz, [psicografado por]
Chico Xavier-45ª edição-Brasília: Federação Espírita Brasileira, 2012,
lição nº 23, págs.57/58.
Imagem: www.google.com. Acesso em: 24/fevereiro/2017.

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

EFETIVAMENTE


Pelo Espírito André Luiz
Vigiar não é desconfiar. É acender a própria luz, ajudando os que se encontram nas sombras. 
Defender não é gritar. É prestar mais intenso serviço às causas e às pessoas. 
Ajudar não é impor. É amparar, substancialmente, sem pruridos de personalismo, para que o beneficiado cresça, se ilumine e seja feliz por si mesmo. 
Ensinar não é ferir. É orientar o próximo, amorosamente, para o reino da compreensão e da paz. 
Renovar não é destruir. É respeitar os fundamentos, restaurando as obras para o bem geral. 
Esclarecer não é discutir. É auxiliar, através do espírito de serviço e da boa-vontade, o entendimento daquele que ignora. 
Amar não é desejar. É compreender sempre, dar de si mesmo, renunciar aos próprios caprichos e sacrificar-se para que a luz divina do verdadeiro amor resplandeça.🔵 
__________________________________
De "Agenda Cristã", pelo Espírito André Luiz, [psicografado por]
Chico Xavier-45ª edição-Brasília: Federação Espírita Brasileira, 2012,
lição nº 28, págs.67/68.
Imagem: www.google.com.  Acesso em: 23/fevereiro/2017.

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

LOUVOR


'...Os olhos do Senhor estão sobre os justos, e os seus ouvidos atentos ao seu clamor.'

Louvarei ao SENHOR em todo o tempo; o seu louvor estará continuamente na minha boca.
A minha alma se gloriará no Senhor; os mansos o ouvirão e se alegrarão.
Engrandecei ao Senhor comigo; e juntos exaltemos o seu nome.
Busquei ao Senhor, e ele me respondeu; livrou-me de todos os meus temores.
Olharam para ele, e foram iluminados; e os seus rostos não ficaram confundidos.
Clamou este pobre, e o Senhor o ouviu, e o salvou de todas as suas angústias.
O anjo do Senhor acampa-se ao redor dos que o temem, e os livra.
Provai, e vede que o Senhor é bom; bem-aventurado o homem que nele confia.
Temei ao Senhor, vós, os seus santos, pois nada falta aos que o temem.
Os filhos dos leões necessitam e sofrem fome, mas àqueles que buscam ao Senhor bem nenhum faltará.
Vinde, meninos, ouvi-me; eu vos ensinarei o temor do Senhor.
Quem é o homem que deseja a vida, que quer largos dias para ver o bem?
Guarda a tua língua do mal, e os teus lábios de falarem o engano.
Aparta-te do mal, e faze o bem; procura a paz, e segue-a.
Os olhos do Senhor estão sobre os justos, e os seus ouvidos atentos ao seu clamor.
A face do Senhor está contra os que fazem o mal, para desarraigar da terra a memória deles.
Os justos clamam, e o Senhor os ouve, e os livra de todas as suas angústias.
Perto está o Senhor dos que têm o coração quebrantado, e salva os contritos de espírito.
Muitas são as aflições do justo, mas o Senhor o livra de todas.
Ele lhe guarda todos os seus ossos; nem sequer um deles se quebra.
A malícia matará o ímpio, e os que odeiam o justo serão punidos.
O Senhor resgata a alma dos seus servos, e nenhum dos que nele confiam será punido.🔵
___________________________
De: Bíblia online.Acesso em: 14/maio/2014.
Imagem: www.google.com. Acesso em:17/fevereiro/2017.
Formatação atualizada em: 17/fevereiro/2017.

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

MEDICAÇÃO PREVENTIVA


Pelo Espírito André Luiz

Pense muito, antes da discussão. O discutidor, por vezes, não passa de estouvado. 
Use a coragem, sem abuso. O corajoso, em muitas ocasiões, é simples imprudente. 
Observe os seus métodos de cultivar a verdade. Muitas pessoas que se presumem verdadeiras, são veículos de perturbação e desânimo. 
Proceda com inteligência em todas as situações. Não se esqueça, porém, de que muitos homens inteligentes são meros velhacos. 
Seja forte na luta de cada dia. Não olvide, contudo, que muitos companheiros valentes são suicidas inconscientes. 
Estime a eficiência. No entanto, a pretexto de rapidez, não adote a precipitação. 
Não enfrente perigos, sem recursos para anulá-los. O que consignamos por desassombro, muita vez é loucura. 
Guarde valor em suas atitudes. Recorde, entretanto, que o valor não consiste em vencer, de qualquer modo, mas em conquistar o adversário no trabalho pacífico. 
Tenha bom ânimo, mas seja comedido em seus empreendimentos. Da audácia ao crime, a distância é de poucos passos. 
Atenda à afabilidade e à doçura em seu caminho. Não perca, porém, o seu tempo em conversas inúteis.🔵
____________________
De 'Agenda Cristã', Espírito André Luiz, psicografia de
Chico Xavier, 45ª ed.[1ª impressão], Federação Espírita Brasileira,
2012, lição nº 11, págs. 33/34.
Imagem: www.google.com. Acesso em: 15/fevereiro/2017.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

SINAIS DE ALARME

Pelo Espírito Scheilla
Há dez sinais vermelhos, no caminho da experiência, indicando queda provável na obsessão: 
- quando entramos na faixa da impaciência;
- quando acreditamos que a nossa dor é a maior;
- quando passamos a ver ingratidão nos amigos;
- quando imaginamos maldade nas atitudes dos companheiros;
- quando comentamos o lado menos feliz dessa ou daquela pessoa;
- quando reclamamos apreço e reconhecimento;
- quando supomos que o nosso trabalho está sendo excessivo;
- quando passamos o dia a exigir esforço alheio, sem prestar o mais leve serviço;
- quando pretendemos fugir de nós mesmos, através do álcool ou do entorpecente;
- quando julgamos que o dever é apenas dos outros. 
Toda vez que um desses sinais venha a surgir no trânsito de nossas idéias, a Lei Divina está presente, recomendando-nos a prudência de amparar-nos no socorro da prece ou na luz do discernimento.🔵
_______________________________________
Vieira, Waldo; Xavier, Francisco Cândido.
Da obra: Ideal Espírita.Ditado pelo Espírito Scheilla. CEC.
(Disponível em:http://www.espirito.org.br. Acesso em: 31.03.2010)
Imagem: http://www.google.com.br/. Acesso em 06/maio/2015.
Formatação atualizada em: 07/fevereiro/2017.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

MULTIDÕES

Pelo Espírito Emmanuel
'... Acima de todas as possibilidades humanas, entretanto, a multidão dispõe do Amigo Divino. Jesus prossegue trabalhando ...'
Os espíritos verdadeiramente educados representam, em todos os tempos, grandes devedores à multidão.Raros homens, no entanto, compreendem esse imperativo das leis espirituais. 
Em geral, o mordomo das possibilidades terrestres, meramente instruído na cultura do mundo, esquiva-se da massa comum, ao invés de ajudá-la. Explora-lhe as paixões, mantém-lhe a ignorância e costuma roubar-lhe o ensejo de progresso. Traça leis para que ela pague os impostos mais pesados, cria guerras de extermínio, em que deva concorrer com os mais elevados tributos de sangue. O sacerdócio organizado, quase sempre, impõe-lhe sombras, enquanto a filosofia e a ciência lhe oferecem sorrisos escarnecedores. 
Em todos os tempos e situações políticas, conta o povo com escassos amigos e adversários em legiões. 
Acima de todas as possibilidades humanas, entretanto, a multidão dispõe do Amigo Divino. Jesus prossegue trabalhando. 
Ele, que passou no Planeta entre pescadores e proletários, aleijados e cegos, velhos cansados e mães aflitas, volta-se para a turba sofredora e alimenta-lhe a esperança, como naquele momento da multiplicação dos pães. 
Lembra-te, meu amigo, de que és parte integrante da multidão terrestre. 
O Senhor observa o que fazes. 
Não roubes o pão da vida; procura multiplicá-lo.🔵
"Tenho compaixão da multidão." - Jesus. (MARCOS, 8:2)
🔷
______________________________
(Do livro "Vinha de Luz" - Ed. Internet -14ª edição.
 lição n.º 6. pág.12. ) - http://www.oconsolador.com.br/
Imagem: www.google.com. Acesso em: 02/outubro/2014.
Formatação atualizada em: 06/fevereiro/2017.
Destaques: Pelo Editor do Blog.

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

AVEDALMA - ABRIGO À VELHICE DESAMPARADA


ABRIGO À VELHICE DESAMPARADA “AUTA LOUREIRO MACHADO”

Rua João Rodrigues Filho, s/n – Sede Cariacica-ES – CEP: 29156-270

TELEFONE: (27) 3254-1449 - TELEFAX: (27) 3254-2777 


Visite o Avedalma!

A MULHER ANTE O CRISTO

Pelo Espírito Emmanuel

'... para exercer a necessária tutela sobre a vida preciosa do Embaixador Divino, o Supremo Poder do Universo não hesitou em recorrer à abnegada mulher, escondida num lar apagado e simples...'

Toda vez nos disponhamos a considerar a mulher em plano inferior, lembremo-nos dela, ao tempo de Jesus.

Há vinte séculos, com exceção das patrícias do Império, quase todas as companheiras do povo, na maioria das circunstâncias, sofriam extrema abjeção, convertidas em alimárias de carga, quando não fossem vendidas em hasta pública.

Tocadas, porém, pelo verbo renovador do Divino Mestre, ninguém respondeu com tanta lealdade e veemência aos apelos celestiais.

Entre as que haviam descido aos vales da perturbação e da sombra, encontramos em Madalena o mais alto testemunho de soerguimento moral, das trevas para a luz; e entre as que se mantinham no monte do equilíbrio doméstico, surpreendemos em Joana de Cusa o mais nobre expoente de concurso e fidelidade.

Atraídas pelo amor puro, conduziam à presença do Senhor os aflitos e os mutilados, os doentes e as crianças. E, embora não lhe integrassem o círculo apostólico, foram elas – representadas nas filhas anônimas de Jerusalém – as únicas demonstrações de solidariedade espontânea que o visitaram, desassombradamente, sob a cruz do martírio, quando os próprios discípulos debandavam.

Mais tarde, junto aos continuadores da Boa-Nova, sustentaram-se no mesmo nível de elevação e de entendimento.

Dorcas, a costureira jopense, depois de amparada por Simão Pedro, fez-se mais ativa colaboradora da assistência aos infortunados. Febe é a mensageira da epístola de Paulo de Tarso aos romanos. Lídia, em Filipos, é a primeira mulher com suficiente coragem para transformar a própria casa em santuário do Evangelho nascituro. Lóide e Eunice, parentas de Timóteo, eram padrões morais da fé viva.

Entretanto, ainda que semelhantes heroínas não tivessem de fato existido, não podemos olvidar que, um dia, buscando alguém no mundo para exercer a necessária tutela sobre a vida preciosa do Embaixador Divino, o Supremo Poder do Universo não hesitou em recorrer à abnegada mulher, escondida num lar apagado e simples...

Humilde, ocultava a experiência dos sábios; frágil como o lírio, trazia consigo a resistência do diamante; pobre entre os pobres, carreava na própria virtude os tesouros incorruptíveis do coração, e, desvalida entre os homens, era grande e prestigiosa perante Deus.

Eis o motivo pelo qual, sempre que o raciocínio nos induza a ponderar quanto à glória do Cristo – recordando, na Terra, a grandeza de nossas próprias mães –, nós nos inclinaremos, reconhecidos e reverentes, ante a luz imarcescível da Estrela de Nazaré.🔵
_______________________
(De o livro "Religião dos Espíritos", de Emmanuel,
psicografado por Chico Xavier. FEB. 4ª ed. 1960. Reunião pública de 03/08/59-
Questão nº 817.p. 131/132).
Imagem: www.google.com. Acesso em: 03/março/2012.
Formatação atualizada em 03/fevereiro/2017. Destaques do Blog.

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

FILHOS DA LUZ

Pelo Espírito Emmanuel

"Andai como filhos da luz." 
Paulo (EFÉSIOS, 5:8.)

Cada criatura dá sempre notícias da própria origem espiritual.
Os atos, palavras e pensamentos constituem informações vivas da zona mental de que procedemos.
Os filhos da inquietude costumam abafar quem os ouve, em mantos escuros de aflição.
Os rebentos da tristeza espalham o nevoeiro do desânimo.
Os cultivadores da irritação fulminam o espírito da gentileza com os raios da cólera.
Os portadores de interesses mesquinhos ensombram a estrada em que transitam, estabelecendo escuro clima nas mentes alheias.
Os corações endurecidos geram nuvens de desconfiança, por onde passam.
Os afeiçoados à calúnia e à maledicência distribuem venenosos quinhões de trevas com que se improvisam grandes males e grandes crimes.
Os cristãos, todavia, são filhos da luz.
E a missão da luz é uniforme e insofismável.
Beneficia a todos sem distinção.
Não formula exigências para dar.
Afasta as sombras sem alarde.
Espalha alegria e revelação crescentes.
Semeia renovadas esperanças.
Esclarece, ensina, ampara e irradia-se.🔵
_____________________________________________
("Vinha de Luz" - Emmanuel / F.C.Xavier. 14ª edição. FEB. Lição n.º 160.)
Imagem: http://jhulymello.blogspot.com . Acesso em: 28/outubro/2011.
Formatação atualizada em 13.09.2014.